modelo de aprendizagem

 

Exploração > Desenho > Investigação > Entrega

 

 

Créditos: Daniel Lazaroni.

-

Essas são as quatro fases que compõem o modelo de aprendizagem da Multiversidade. Desenvolvemos esse modelo com base na abordagem utilizada pela Universidade Alternativa e na teoria da aprendizagem pluralista desenvolvida por Yaacov Hecht, um dos pioneiros do movimento da educação democrática.

Exploração > Desenho > Investigação > Entrega compõem um processo em espiral que nunca termina. Na medida em que você avança em seu percurso, o tamanho da espiral aumenta, representando tanto a ampliação dos seus aprendizados (respostas) quanto da sua capacidade de se indagar sobre determinado tema (perguntas). Desse modo, cada etapa é definida como uma zona de saber ou de não saber: ao passo que a primeira é um momento de convergência e produção intensa, a última caracteriza-se como um período de divergência e questionamentos profundos. Por fim, cada fase tem em si elementos de todas as outras fases, ou seja, é bem provável que você explore, desenhe, investigue e entregue ainda na fase de exploração, por exemplo.

Ter um modelo é útil como referência para guiar seu percurso, mas lembre-se: o mapa não é o território. Existem várias outros modelos que ajudam a compreender processos de aprendizado e, no fundo, o percurso é sempre não linear e imprevisível. Cada aprendiz tem seu próprio tempo de permanência nos diferentes estágios, o que dependerá do perfil e do momento de vida de cada um.

A descrição das quatro fases é apresentada a seguir:

-

1. Exploração

É o ponto de partida da viagem. Você irá descobrir diferentes temas e interesses com o objetivo de responder às perguntas "O que eu realmente quero aprender?" e “Por que faz sentido pra mim aprender isso?” A ideia aqui é se desapegar e experimentar livremente, sem medo de ser feliz. Será uma exploração ao mesmo tempo externa e interna, uma possibilidade de rever sua própria vida e o mundo a sua volta com novas lentes.


2. Desenho

No momento em que você escolher focar em algum tema específico, começa a fase de desenho. Individualmente ou em grupo, você vai desenhar o traçado de sua aprendizagem rumo ao que você quer descobrir e à pessoa que você quer se tornar. A pergunta aqui é “Quais os caminhos para aprender o que quero aprender?” Para respondê-la, você criará um projeto – uma forma de afunilar as buscas que você deseja empreender – que servirá como ponto de partida para a próxima etapa.


3. Investigação

Nesta fase, você ou seu grupo colocarão a mão na massa e executarão o projeto desenhado contando com diversas ajudas ao longo do caminho. A pergunta central é “Que coisas novas estou descobrindo e criando?” Conversas inspiradoras, leituras, jornadas de aprendizagem, pesquisas de campo e prática no mundo real são algumas das possibilidades de construção de conhecimento nessa etapa. Ao final da fase de investigação, você terá em mãos um resultado concreto que te fará perceber sua evolução durante o processo.


Entrega

Chegou a hora de apresentar a toda a comunidade o que você desvendou. Para ser capaz de compartilhar o que aprendeu, você precisará analisar, sistematizar e “embalar” o conhecimento produzido ao longo do trajeto, o que por si só te fará ter novos insights. Assim, a pergunta desta fase é “Como oferecer meus aprendizados ao mundo?” Ao compartilhar, você receberá feedbacks fundamentais para retroalimentar seu percurso rumo a novas explorações e descobertas.

-

-